Qual Gerador usar para Máquinas de Solda?

gerador para maquina de solda
Necessita saber qual o gerador ideal para sua máquina de solda?
Confira os 3 Passos (ou nos telefone!)

PASSO 1 - DEFINIR A QUANTIDADE E POTÊNCIA DE MÁQUINAS DE SOLDA

A primeira informação necessária é saber a quantidade de máquinas de solda que serão utilizadas com a energia do gerador.
Feito isso, temos que verificar qual, ou quais, os modelos de máquinas de solda que serão alimentados pelo gerador, tendo sempre em mente que temos que buscar o consumo em kW ou kVA das máquinas de solda.
Exemplo:
  1. Vamos imaginar que serão utilizadas três máquinas de solda no mesmo gerador. Uma máquina para o processo de eletrodo revestido e duas máquinas para o processo MIG/MAG.
  2. Imaginemos que a máquina de solda para eletrodo revestido consome 10kW e a MIG consome 14kW cada. Somando as potências, temos 38kW.

PASSO 2 - COMO ESCOLHER A POTÊNCIA DO GERADOR?

Muito importante. Antes de definirmos a potência, em kVA, do gerador de energia, temos que saber qual a tensão de operação das máquinas de solda.
Essa informação é essencial tanto para não ocorrer a queima das máquinas de solda tanto para que as mesmas tenham seu correto funcionamento por meio da energização correta.
Exemplo (continuação do item acima):
  1. Feito isso, e sabendo se a tensão será 220, 380 ou 440V, multiplicamos a potência encontrada nas máquinas de solda e multiplicamos pelo valor de 1,2.
  2. Com isso temos 38kW x 1,2 chegamos no valor de 45,6 kVA.
  3. Com essa potência em kVA descoberta, temos que ter muita atenção, pois a comercialização de grupos geradores de energia se dá na potência stand by, situação não aplicável à operação com máquinas de solda, visto que os serviços realizados demandarão bastante tempo, configurando-se a operação que chamamos de “prime ou contínua”.
  4. Com isso, devemos multiplicar o valor encontrado mais uma vez por 1,2, para termos uma folga de 20% mínima. Então, teríamos o valor de 54,72 kVA.
  5. Não suficiente, dependendo de como se desenvolver todo o processo de soldagem, além do tipo de peça a ser soldada, consumível, etc., deve-se aumentar a potência do gerador, visto que pela própria natureza construtiva dos grupos geradores de energia movidos à combustão (principalmente diesel), altas cargas repentinas podem exigir maior potência do gerador de energia.

PASSO 3 - E SE DIMENSIONAR ERRADO?

A falha principal que ocorre no caso de o grupo gerador ser insuficiente para as máquinas de solda é a queda de tensão, situação que:

- comprometimento do cordão de solda;

- desligamento da máquina de solda por subtensão;

- desligamento do gerador por subtensão;

- queima do grupo moto gerador.

Ainda com dúvidas?
Entre em contato conosco. AlugaGera aluga geradores de energia e máquinas de solda em conjunto com a Aventa, maior locadora de máquinas de solda do Brasil.
Geradores de Energia para Máquinas de Solda estão na AlugaGera. Tire todas suas dúvidas sobre geradores de energia para máquinas de solda com a AlugaGera. Temos certamente o gerador ideal para sua necessidade.
Caso necessite de máquinas de solda para locação ou venda entre em contato com a Aventa, líder em locação e venda de máquinas de solda de alto desempenho.
 
gerador maquina solda
aluguel de geradores